A PROPAGANDA ENGANOSA DO SUBMARINO.COM.BR

26 08 2010

Eis que surge o seguinte e-mail marketing na minha caixa de e-mail hoje:

E pensei: “QUE MASSA, BOX DO FRIENDS COM 10 TEMPORADAS POR R$ 39.00 NO SUBMARINO!!! VOU COMPRAR!”

Loguei no meu usuário, cliquei no email marketing do Submarino e caiu NESSA PÁGINA, onde você encontra o box SIM, mas por outro preço. Ainda ingênua, pensei: “Vou fazer todo o processo de compra e na hora de finalizar, eles irão identificar que a minha compra veio de um E-MAIL PROMOCIONAL e transformarão no valor QUE A PROPAGANDA OFERECE: R$ 39.00“.

Cheguei na conclusão da compra e esse produto em questão ESTAVA POR R$ 299.00, como você PODE CONFERIR AQUI nesse link ou aqui embaixo:

Entrei em contato no CHAT ONLINE e um tal de RONEY SANTOS me atendeu. Expliquei toda a situação a ele. O mesmo disse que o valor do BOX era de R$ 299,00. Eu disse que ERA EXATAMENTE POR ISSO que eu havia entrado no chat e queria a ajuda dele, já que a propaganda do Submarino que chegou no meu e-mail foi a que venderiam o produto hoje por R$ 39,00 e apenas por e-mail.

O atendente desligou na minha cara. Mandei e-mail para o setor de relacionamentos e para o setor de compras do SUBMARINO.COM.BR dizendo que eu sabia dos meus direitos e queria comprar o produto pelo valor que me foi oferecido. E uma Debora Lourdes Pereira, que se intitulava como “Analista de Relacionamento” do e-commerce respondeu assim:

“O valor vigente é o do carrinho de compras”.

Veja bem, O ERRO FOI DE VOCÊS e eu esperava que vocês assumissem essa culpa e efetuassem a compra para não perderem clientes (já que não fui a única que recebeu esse e-mail marketing com “OFERTAS”) e não queimassem o filme de vocês.

Comentei esse acontecido de hoje com dois amigos e os mesmos confirmaram que o Submarino sempre faz essas coisas… Que moral que vocês estão, hein?

Boas vendas aí. Eu, depois dessa, fui pro concorrente.

_______________________________________________

RESPOSTA FINAL DO SUBMARINO.COM.BR SOBRE ANUNCIAREM UM PRODUTO POR R$ 39.00 E VENDEREM O MESMO PRODUTO POR, NO MÍNIMO, R$ 299.00:


Prezada Camila  ;

Em atenção ao seu contato, informamos que nossas promoções possuem regulamentos, os quais são enviados no corpo do e-mail promocional ou são disponibilizados nos links. Caso os procedimentos da promoção sejam seguidos, os clientes que têm acesso a estas promoções podem receber descontos, fazendo com que recebam vantagens sobre o valor praticado no site.

Porém esclarecemos que, caso uma promoção tenha restrição de prazo e/ou quantidade de peças, o produto pode voltar a ser comercializado no valor normal do site, uma vez que caracteriza-se assim o término da promoção, de acordo com o regulamento.

Ressalto que caso no ato da compra haja divergência de valores, o preço válido é sempre do carrinho de compras.

Atenciosamente

Enio Santos
Analista / Relacionamento
Tel: (11) 34543002 ramal 40460
segunda a sábado das 08:00hs às 14:00hs
Relacionamento Submarino
www.submarino.com.br

Ou seja, Submarino tentando fazer cliente de trouxa, insinuando que aquilo que recebi não era mais promoção no momento em que finalizei a compra, ou seja, exatamente 8 minutos após o recebimento na minha caixas de entrada. Enfim, Procon serve para essas coisas, não?





Da saga “Comprei uma bolha… e agora?” – Parte I

23 08 2010

Foram mais de 100 rubricas, com certeza.

A vontade de ter e o medo de não ter como. Números e mais números na calculadora. O sim ou o não?

Ouvi um “devemos sempre pensar positivo para atrairmos coisas positivas“.

É, mais um ítem para riscar da minha listinha de “Coisas que preciso fazer antes de morrer”…

E como disse o Professor e economista Eduardo Geanetti em uma palestra para a Convenção da TV Tem na semana passada: “2010 é o melhor ano de todos os tempos“.

O mês de agosto então, surpreendente.

Estou orgulhosa, ansiosa, confiante e, acima de tudo, deveras feliz pelas sementinhas que estamos plantando com a melhor das intenções e com todo o esforço do mundo… para colhermos juntos daqui 2 aninhos até o resto da nossa história.





3º #POB Sorocaba

19 08 2010

A terceira edição foi ainda melhor… O Bar Paiol reservou um espaço amplo e aconchegante SÓ pra gente, fez chopp em dobro a noite toda e nos disponibilizou uma super TV. Tínhamos 2 guitarras e o povo se divertindo no Guitar Hero, o caderninho de contatos passou por todo mundo, o pessoal chegou-chegando e fazendo as devidas apresentações, muitos e muitos flashes… Foi muito mais do que eu esperava. Mais de 90 pessoas lá, interagindo, rindo, conversando, batendo papo, se identificando e vendo em cada história profissional, a sua própria história.

Valeu a pena! Obrigada a todos que foram e fizeram acontecer mais uma vez.

O #POB é de vocês, é para vocês. Curtam mais a cada edição!

E que venha o 4º #POB!





BIS SABOR LIMÃO COM PRÉ-VENDA SOMENTE ONLINE

18 08 2010

Sim, olha só que maravilha!

Essa é a nova estratégia da Agência Ogilvy, criada para a marca de chocolates mais vendida do país. A edição é limitada e a pré-venda do produto é exclusiva na internet.

Você conseguirá ter esse produto em casa antes que ele chegue às prateleiras de todo o país, e o melhor, você terá acesso ao Kit Exclusivo BIS. É só acessar o e-commerce Americanas.com clicando AQUI e efetuar a compra.

Estou comprando aqui e custa R$ 11,99, contendo 4 caixas de BIS e uma sacola personalizada. Você pode receber em casa ou retirar na loja mais próxima. No meu caso, estou em Sorocaba e a loja mais próxima, segundo o site, fica em São Paulo… Mas, se eu não me engano, temos 3 lojas Americanas aqui na minha cidade. Enfim…

Mais informações sobre essa novidade no Facebook BIS.

Compre já o seu Kit (como eu já estou fazendo! hehe) aqui!





Camila Camila

5 08 2010

“Depois da última noite de festa,
Chorando e esperando, amanhecer.

As coisas aconteciam,
Sem explicação, com alguma explicação…

Depois da última noite de chuva,
Chorando e esperando, amanhecer, amanhecer…

As vezes peço a ele, que vá embora ahh,
Que vá embora ahh…
Ohhh!

Camila ahh, Camila, Camila…

E eu que tenho medo até de suas mãos,
Mas o ódio cega e você não percebe,
Mas o ódio cega…
E eu que tenho medo até do seu olhar,
Mas o ódio cega e você não percebe.
Mas o ódio cega…

A ausência do silêncio daquelas tardes,
Daquelas tardes…
Da vergonha do espelho, naquelas marcas,
Daquelas matas…
Havia algo de insano, naqueles olhos,
Olhos insanos…
Os olhos que passavam o dia, a me vigiar,
A me vigiar, ohhh…

E eu que tinha apenas 17 anos,
Baixava minha cabeça pra tudo,
Era assim que as coisas aconteciam,
Era assim que eu via tudo acontecer.

Camila ahh ohh, Camilaaaaaaa…” – Cazuza





LOS HERMANOS DE VOLTA?

5 08 2010

Sim, ou melhor, não. É, mais ou menos.

A banda Los Hermanos, que estava em recesso há 40 meses devido a projetos paralelos dos músicos, anuncia shows para esse ano no nordeste do país. Na verdade esse negócio do ‘nordeste do país’ não sai da minha cabeça. Custa muito dar uma ‘canjinha’ aqui pelo sudeste?

O músico Bruno Medina, tecladista da banda e atual colunista do Portal G1, confirmou em seu Blog a ‘mini-turnê 2010’ (assim chamada por ele) de três shows da banda completa em Outubro de 2010. Explica também que a intenção não era causar um mistério, mas ter a certeza de que tudo daria certo e seria confirmado antes de uma afirmação incorreta na mídia, decepcionando seus fãs. As datas e os locais escolhidos foram:

  • 15/10 – RECIFE – Cabanga Iate Clube
  • 16/10 – FORTALEZA – Ceará Music
  • 17/10 – SALVADOR – Concha Acústica

Ainda que eu torça para que a banda retorne de vez aos palcos, Marcelo Camelo contou à revista Trip que está envolvido em um projeto com CD e DVD para serem lançados ainda esse ano. Bruno Medina, para me encher de esperança, disse: “Da minha parte – e acho que falo também pela banda – estamos bastante felizes com essa oportunidade de cair na estrada juntos, tocar nossas músicas e nos divertir, como nos velhos tempos. Os ensaios estão agendados, os equipamentos expostos ao sol para tirar poeira, e uma ideia de set list já pipocando na cabeça. A partir de hoje é contagem regressiva!“.

Fucei o Senhor Google e não encontrei nada sobre ingressos, mas se alguém aí puder dizer algo sobre, por favor, dá a informaçãozinha aqui embaixo, nos comentários. 

Já estou mexendo meus pauzinhos para tentar ir para Salvador com um pessoal aqui de Sorocaba, passar o fim de semana e curtir o aniversário de 4 anos de namoro ao som da banda que marca a maioria dos nossos momentos.

Tô na torcida.





ELEIÇÕES 2010 E REDES SOCIAIS

1 08 2010

Isso vai dar certo?

Como eleitor… acho ótimo! Teremos acesso a informações sobre quem é, o que faz e principais objetivos. Vídeos e fotos mostrando a verdade, o que foi feito, o que não ficou apenas no papel. Questões sendo respondidas, gerando debates e esclarecendo muita coisa.

Como estrategista acho que as mídias sociais aqui no Brasil ainda são imaturas. Para se achar um profissional nesse segmento, precisa entender o que faz. Entender o cliente, entender o mercado e, principalmente, entender as ferramentas que estão trabalhando em paralelo. Mas vejo que qualquer sobrinho do proprietário da empresa está cuidando da sua conta nas redes sociais, sem ao menos saber interagir com o público, gerar conteúdo ou mensurar os resultados do que anda aplicando.

Os políticos estão nessa vibe também. Ou pagam (e muito bem) para uma pessoa fazer o seu papel nas redes sociais (sem saber ao menos o que se está sendo falado sobre a sua pessoa), gerar um conteúdo que ele manda e nem sabe a razão de estarem trabalhando aquilo… ou usam eles mesmos a ferramenta, sem qualquer treinamento, sem saber o enorme estrago que podem causar. Não querem interagir, não estão preparados para os comentários negativos, para responder os cidadãos, nem sabem como funciona cada ferramentinha inclusa ali dentro.

Cadê o planejamento, a interatividade, o conteúdo útil, a preparação?

Não adianta querer copiar a campanha de Barack Obama, a cultura de participação dos americanos é diferente da cultura dos usuários daqui. Qualquer deslize de 140 caracteres pode afundar uma campanha de meses, pode denegrir uma imagem relativamente aceitável que o político conseguiu construir durante anos.

Pelo que estou acompanhando, os candidatos estão participando das redes sociais nessas eleições só para falarem que possuem esse diferencial, para falarem que conseguem atingir mais pessoas, que estão usando da tecnologia e blá, blá, blá… Mas esquecem de começar esse ‘capítulo’ em sua campanha com antecipação, para irem cativando as pessoas, gerando conteúdo positivo, dando motivos para seguirem o seu perfil e conseguirem um número de seguidores para valer a pena toda aquela manifestação digital. Em 3 meses de campanha na internet é quase impossível persuadir o eleitor, provar que você pode fazer muita coisa considerável, fazê-lo entender que vale a pena aquele voto.

Eles esquecem que o internauta de hoje só lê e participa do que quer…

Li um post deveras engraçado no Blog do Marketeiro Rodrigues que dizia assim: “No início do ano fiz algumas previsões sobre o que aconteceria em algumas áreas relacionadas à política. (…) Previ que os candidatos a cargos públicos iriam até jogam Colheita Feliz para fazer a média com o povo, mas os presidenciáveis Serra e Dilma foram além: dançaram Rebolation no carnaval de Salvador”. Completando a idéia, o Blogcitário postou: “Espero que surjam idéias tão inovadoras quanto o Yes, we can. Desde que elas não sejam um mero retweet do sucesso norte americano”.

Esse post foi meio turbulento, sem uma direção, acabei de acordar, pô! Fiquei pensando nesse assunto porque 2 candidatos me fizeram propostas para cuidar das redes sociais deles, não aceitei e passei esse freela para outros colegas de profissão, também não aceitaram. Isso quer dizer alguma coisa, né? Dei também uma entrevista para o ‘Revista de Sábado’, da Tv Tem expondo tudo isso também, ainda não foi ao ar. Mas deu pra sacar que eu não sou muito a favor dessa manifestação hoje. Espero que isso tudo sirva de ‘laboratório’ para as pessoas planejarem com antecedência, serem criativos e inovadores, mobilizarem as pessoas em torno de uma causa, gerarem discussões em torno das propostas políticas, não se limitarem às mídias sociais, não gerarem spam, não atacarem os concorrentes e, principalmente, espero que nas próximas campanhas políticas na internet, esse povo aprenda a monitorar, pesquisar, acompanhar, interagir e não ter medo de responder o internauta.

Como são mais de 50 milhões de pessoas usando a internet hoje no país e, um pouco menos da metade é formada por eleitores, ainda não me conformei depois que vi tanta baboseira sendo produzida para campanhas políticas em 2010.

Fora que, não adianta atirar pedras nos políticos apenas, a maioria dos twitteiros é o jovem que cresceu com a vida web. O perfil desses jovens ou é extremamente avesso à política, provocando ofensas, brincadeiras de mau gosto e até mentiras sobre o candidato que não gosta OU o jovem leva muito a sério a política e defende fielmente os objetivos do seu candidato, tornando-se massante e causando a revolta dos seus seguidores, por muitas vezes. É como religião, gosto musical, opções futebolísticas… quem não gosta vai contra, gera um buzz inconsequente e pode até criar um viral negativo, o que pode levar ao fim de uma campanha que tinha tudo para dar certo.

A entrevista que dei ao programa Revista de Sábado, da TV Tem, está AQUI.

Eleições 2010 nas Redes Sociais por Camila Adriane, Vitor Bellote e Julio César

Ah, candidatos. Se não sabem brincar, não desçam no play! #ficaadica








%d blogueiros gostam disto: